TMS - Terapia dos Movimentos Sistêmicos

Uma abordagem sistêmico-cognitiva no atendimento individual, casais e famílias.

  • Data:  Sexta, 22/11/2019
  • Horários: 18:30 às 22:30;
  • Carga horária: 4 horas;
  • Local: Núcleo.

Investimento:

  • R$ 290,00 à vista;
  • R$ 265,00 para clientes Núcleo.

Inscreva-se

Dúvidas?

51 3710 2810     nucleoc@nucleoc.com.br

Conheça o modelo de trabalho da Terapia dos Movimentos Sistêmicos (TMS), através de atitudes terapêuticas, do reconhecimento das ressonâncias e dos oito movimentos do processo psicoterapêutico.

 

Objetivos específicos

  • Compreender a clínica sistêmica integrada;
  • Conhecer as atitudes profissionais de proatividade, honestidade, espontaneidade e ética no setting terapêutico;
  • Compreender como utilizar o conceito de ressonância;
  • Conhecer e diferenciar os oito movimentos do processo psicoterapêutico sistêmico.

 

Conteúdos programático

  • Compreender a importância de uma clínica sistêmica integrada com as terapias cognitiva-comportamental, focada nas emoções e narrativa;
  • Conhecer e diferenciar as atitudes profissionais de proatividade, honestidade, espontaneidade e ética no setting terapêutico;
  • Compreender o conceito de ressonância e conhecer como trabalhar de forma assertiva os conteúdos cognitivos, emocionais e transgeracionais que aparecem na relação singular com cada pessoa em atendimento;
  • Conhecer e diferenciar os oito movimentos do processo psicoterapêutico sistêmico: vinculação, demanda geral, demandas singulares e implícitas, busca do passado com foco no presente, investigação dos padrões circulares de sofrimento, quebra de padrões circulares e reforço de espirais de saúde e avaliação do processo terapêutico.


Público-alvo

Psicólogas e psicólogos, estudantes de psicologia, psiquiatras e médicos residentes em psiquiatria.

Professores

Eduardo Lomando

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, é Mestre (PUCRS) e Doutor (UFRGS) em Psicologia Social, Especialista em Psicoterapia Sistêmica e Cognitivo-comportamental, Docente de pós graduação no INTCC e IPGS, Coordenador do NAPSE – Núcleo de Atendimento e Promoção de Saúde em Sexualidade e Gênero. Ex-docente de psicologia da FADERGS, fundador do Grupo de Apoio a Famílias e Amigos de LGBT no SOMOS/Poa e do Comitê de Diversidade Sexual da AGATEF ex-coordenador do CAPS-NH. Psicoterapeuta sistêmico de pessoas, casais e famílias, com ênfase na integração das abordagens Sistêmica e Tcc. Atuando nas seguintes temáticas: estudos LGBT, casais e família, psicologia social, pesquisa quantitativa/qualitativa e preconceito sexual e de gênero.

Claudia Sigaran

Possui graduação em psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1986) e mestrado em Psicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995). Atualmente é membro da diretoria executiva da Associação Gaúcha de Terapia Familiar e docente – Clínica de Psicoterapia e Instituto de Mediação. Tem experiência na área de Psicologia Clínica, com ênfase em Psicologia Individual, Casal e Família, atuando principalmente nos seguintes temas: família, ciclo de vida familiar, parentalidade, família, escola, aluno, contemporaneidade e relacionamento conjugal.